Se pensar bem…o impossível pode não tornar-se possível!

    
Se pensar bem…

Se pensar bem, existem coisas que não consigo controlar por mais que tente controlar.

Se pensar bem, por vezes tornar-se complicado, não me deixar envolver.

Se pensar bem, como é possível construir uma relação de confiança, sem nos envolvermos, sem nos darmos? 

Se pensar bem, existem pessoas que nos fazem bem, mas apenas por momentos, e que não nos devemos agarrar a elas. 

Se pensar bem, sou eu que exijo ou que espero mais do que aquilo que os outros estão disposto a dar, ou “podem” dar.

Se pensar bem, sou eu que vivo num mundo de ilusões, num conto de fadas.

Se pensar bem, sou eu que acredito que os outros se Preocupam realmente connosco. 

Se pensar bem, até onde vai essa preocupação?  

Se pensar bem, o que é a vida?  Pessoas  que tentam encontrar o seu lugar, que fingem que se preocupam com os outros, ou apenas se preocupam de vez enquando. Quando lhes dá jeito, quando estão para aí virados.
Se pensar bem, não somos todos assim? Egoístas? 

Se pensar bem, o problema sou eu, não os outros.

Se pensar bem, sou eu e este meu grande defeito de acreditar nas pessoas, de acreditar que o impossível por vezes se pode tornar possível.

Mas não é preciso pensar nem um bocadinho para sentir a dor que o impossível provoca.

É preciso construir uma nova barreira, contra este sentimento. Porque não escolhemos de quem nos faz sentir bem. 

Mas por vezes o possível tem de ser impossível!

Será?! 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s