A vida é curta demais !

Será a vida curta de mais?

Não será certamente para alguém que vive a vida amarrada, presa até às entranhas por uma passado que não escolheu ou que foi forçada a escolher. 

Não digo que tenha sido sempre assim. Talvez por ter construído uma armadura tão forte à minha volta. Armadura essa que me possibilitou ter a vida que tenho hoje. Não que me sentido plenamente feliz, mas possibilitou que me afastasse de uma vida de maus tratos físicos e psicológicos. 

A procura incessante do meu eu, que durante tantos anos se escondeu, que deixou amigos para trás, porque simplesmente não os deixou entrar na sua vida, por vergonha do meu eu, das minhas origens.

Gostava tanto de ser outra pessoa! Gostava tanto de ter sentido o que é ser amada!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s