Pão por Deus

Quem não se lembra deste dia?

No dia 1 de Novembro, celebra-se o dia de Todos-os-Santos e nesse dia, as crianças saem à rua pedir o Pão-por-Deus.

Este é um dos poucos momentos que recordo da minha infância com alguma nostalgia. Vivia-o intensamente juntamente com os outros meninos. Íamos pelas ruas, bater porta a porta. Tocávamos em todas as campainhas, não podia ficar nenhuma para trás, mas sempre com algum receio que não nos abrissem a porta ou que nos dessem pão em vez de doces.

Este dia marcou-me não só por todo o entusiasmo e excitação que proporcionava, mas também porque chegava ao final do dia com um saco cheio de doces. Não é que o saco fosse grande, mas para mim, poder ter meia dúzia de doces num só dia, era motivo de grande alegria.

Penso que esta tradição tem vindo a perder-se no tempo. Tenho pena de os meus filhos não a viverem, tão intensamente como eu a vivi.

Talvez por minha culpa. Mas tenho pena, porque me lembro que era muito feliz neste dia…

Aqui ficam alguma quadras deste dia.

“Pão por Deus,

Fiel de Deus,

Bolinho no saco,

Andai com Deus.”

ou

“Bolinhos e bolinhós

Para mim e para vós.

Para dar aos finados

Qu’estão mortos, enterrados

À porta daquela cruz.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s